Workshop de Estudos Globais

A grande área de Relações Internacionais expandiu-se de forma acelerada nas duas últimas décadas. Esse movimento envolveu criação de cursos de pós-graduação e graduação, de periódicos, além da promoção regular de eventos científicos. A Universidade de Brasília esteve na vanguarda desse movimento e continua sendo um dos principais centros de reflexão da área.

A despeito dessa transformação operada na comunidade, percebe-se a existência de uma lacuna: a carência de ambiente para crítica qualificada e detalhada de trabalhos ainda sob redação. No momento, há três vias em que tais tarefas poderiam ser desempenhadas. No caso de dissertações e teses, o orientador e as bancas; no caso de artigos, a avaliação por pares das revistas científicas e as conferências acadêmicas. Esses meios são centrais na construção do conhecimento científico, mas devemos notar que, primeiramente, eles muitas vezes são o ponto de chegada, quando os trabalhos já devem estar em um estágio avançado para a avaliação dos pares. Uma segunda nota é que o foco das vias tradicionais muitas vezes é na apresentação e divulgação do esforço de pesquisa e não exatamente no exercício estruturado de crítica.

É diante dessa carência que uma das linhas de ação do nosso Centro é o Workshop de Estudos Globais.

Como funciona

O Workshop é um forum voltado para a crítica de trabalhos em progresso de forma intelectualmente rigorosa. O primeiro passo é o envio desses textos, com um pequeno resumo e descrição. Serão aceitos capítulos de tese de doutorado, artigos, capítulos de livros e papéis de trabalho. Esses trabalhos serão circulados com pelo menos duas semanas de antecedência. No caso de capítulos de livros e teses, os autores são encorajados a apresentar de forma breve, no resumo, como o trecho sob discussão encaixa-se no plano geral da obra.

A atividade central do exercício é a de crítica do manuscrito, e não a sua divulgação, de forma a gerar discussões que sejam do benefício do autor do trabalho e da comunidade. Para facilitar o alcance desse objetivo, será designado um debatedor que terá como responsabilidade apresentar de forma breve e sumária os argumentos do texto sob avaliação e oferecer críticas construtivas (entre 10 e 15 minutos). Após balizar o debate, os participantes seguirão na sequência, com suas sugestões e críticas.

Como esse será um ambiente de construção de conhecimento e não de sua divulgação, é oportuno que todos presentes tenham lido o texto e estejam prontos a colaborar com sugestões específicas.

Considerando a otimização do tempo, o coordenador e o debatedor buscarão moderar as reuniões do Workshop de forma a não ultrapassar duas horas.

As primeiras conferências do Workshop de Pesquisa sobre Política Externa Brasileira serão realizadas quando da retomada das atividades presenciais na Universidade de Brasília.